Foto: reprodução

O crime foi registrado na da última terça-feira (07), no Bairro Parque Alvorada, em Brumado. Segundo informações, a vitima estava transitando no referido bairro, momento em que foi abordada por um meliante a bordo de uma motocicleta. O homem teria ameaçado e exigido que a moça subisse na moto, levando a mesma logo em seguida para um terreno baldio no Bairro Baraúnas, praticando o estupro logo em seguida. Segundo o depoimento, o rapaz teria filmado o ato e após tudo isso, levou a vitima de volta para o mesmo lugar onde teria encontrada. A policia já está investigando o caso.

Foto: Divulgação
A população brumadense, pela segunda vez, vem passando por problemas relacionados ao mal cheiro existente na água distribuída pela Embasa, fato que vem gerando muita preocupação, principalmente com relação aos malefícios que podem causar a saúde. Mediante a complexidade da questão os vereadores, Léo Vasconcelos, Luiz Carlos “Palito”, José Carlos de Jonas e Wanderley Amorim “Nem”, mesmo estando com suas agendas completas com diversos compromissos na busca de benefícios para o município, agendaram audiência com a diretoria da Embasa para obterem maiores esclarecimentos sobre a questão. A reunião aconteceu na manhã desta terça-feira (08.03) na sede da Embasa, na capital do Estado, com as presenças da Superintendente de Operações Dra. Poliana Carvalho e o chefe de gabinete, Dr. Paulo Magalhães. Os parlamentares pontuaram que pela segunda vez a população vem sofrendo com o mal cheiro na água, tendo que, em razão das grandes dúvidas geradas sobre a qualidade da água, comprarem água mineral para o consumo, causando um grande custo para as famílias. Frisando ser imprescindível a busca de uma solução definitiva para o problema, assim como o esclarecimento sobre as causas do mal cheiro. Os representantes da Embasa esclareceram que: a ingestão da água não traz nenhum risco à população; a empresa colocou um biólogo de plantão na barragem de Cristalândia para resolver e entender a problemática; que se trata de um tipo de alga desconhecido da região; que há mais de 30 amos não se verifica um fenômeno dessa natureza na região sudoeste. Após expostos os esclarecimentos os vereadores solicitaram que soluções fossem tomadas o mais breve possível para a tranquilidade da população, sendo assim na próxima quinta-feira (09.03) a Superintende de Operações, Dra. Poliana Carvalho juntamente com uma equipe da Embasa composta pelos gerentes regionais de Vitória da Conquista, Dr. Álvaro Aguiar e de Caetité, Dr. Paulo Ledo estará se deslocando para Brumado a fim de entender e resolver definitivamente a situação. A equipe estará também se reunindo com o prefeito Eduardo Lima Vasconcelos.
Foto: Reprodução/Facebook
Uma a cada três brasileiras relataram ter sido espancada, xingada, ameaçada, agarrada, perseguida, esfaqueada, empurrada ou chutada nos últimos 12 meses. As entrevistadas pelo Datafolha no levantamento 'Visível e Invisível: A Vitimização de Mulheres no Brasil" ouviu brasileiras a partir de 16 anos, em todo o país, a pedido do Fórum Brasileiro de Segurança Pública. Entre as ouvidas, 29% afirmaram que sofreram violência física, verbal ou psicológica no ano passado; 503 mulheres foram vítimas de agressões físicas no Brasil a cada hora e dois em cada três brasileiros (66%) presenciaram uma mulher sendo agredida física ou verbalmente no mesmo período. Por outro lado, mulheres negras (32%) e paradas (31%) sofreram mais violência no ano passado em relação às brancas (25%). A diferença aparece também quanto ao assédio: 89% das mulheres negram relataram terem sido alvo de comentários desrespeitosos ou contatos físicos, ante 35% das mulheres brancas. "Esse dado traz as marcas estruturais do racismo ainda presentes na sociedade brasileira. O corpo da mulher negra é mais facilmente sexualizado, deixando-a mais vulnerável à violência", ressaltou Juliana Gonçalves, organizadora da Marcha das Mulheres Negras. "A mulher mais jovem tem tido mais acesso a informação e já reconhece determinados gestos, como beijo forçado ou assédio no transporte público, como formas de violência que vão além do bater ou agredir fisicamente", explicou a socióloga especializada em violência contra a mulher, Wânia Pasinato. Apesar do acesso e até mesmo do debate público intenso após aprovação da Lei Maria da Penha em 2006, 52% das mulheres entrevistadas que relataram agressões não fizeram nada a respeito da violência sofrida. Entre as demais que tomaram alguma medida, a maioria procurou ajuda da família (13%) e apoios dos amigos (12%). Onze porcento delas buscaram uma delegacia da mulher, enquanto 10% registraram o caso em uma delegacia comum. Cinco porcento das vítimas recorreram à igreja que frequentam. 
Rio do Antônio, no sudoeste, teve a condição de emergência por estiagem válidada por até 180 dias, contados a partir de  6 de março.O superintendente da Defesa Civil do Estado (Sudec), Paulo Sergio Menezes Luz, afirmou que haverá ações emergenciais na cidade. Uma licitação deve ser anunciada na próxima semana para a construção de uma adutora que puxará água da Barragem do Truvisco, em Caculé, para a região de Rio do Antônio. "Com a adutora, vamos resolver o problema de abastecimento de água potável para a região, que vive esse problema", disse ao BN. A previsão é que a obra – orçada em R$ 11 milhões com recursos federais – seja entregue em até 180 dias. 
Foto: Se liga Brumado

Por ASCOM / CMB / Eliana Costa,

Na sessão desta segunda-feira (06.03) aconteceu a votação dos projetos oriundos do executivo municipal, que conforme havia sido declarado pelo presidente da Casa, vereador Léo Vasconcelos só seriam colocados na pauta para votação após o entendimento de todos os vereadores sob o conteúdo específico de cada um deles, sendo efetivado para isso diversas reuniões. Em razão da total lotação do plenário da Câmara e dos nervos acirrados a votação aconteceu em um clima bastante tenso, sendo inclusive necessária a suspenção da sessão para o retorno da ordem. Sendo que ao final das votações todos os projetos foram aprovados, excetuando o que tratava dos feriados religiosos, que foi rejeitado por onze votos. Léo Vasconcelos, presidente do legislativo, pontuou que compreendeu as reações do público presente no plenário da Câmara “vivemos em um regime democrático onde as pessoas têm o direito de se manifestarem e nós como vereadores devemos entender o papel democrático de cada cidadão. Ressalto que respeito cada um dos cidadãos presentes na sessão, somente não entendendo algumas atitudes e excessos ocorridos, que acredito não terem sido necessários, mas volto a dizer que tudo isso faz parte do processo democrático”. 
 

Foto: Se liga Brumado

Por Agência Brasil.

A Câmara dos Deputados aprovou, ontem (7), o Projeto de Lei (PL) 1376/03, que cria regras para o controle populacional de cães e gatos no território nacional. A medida estabelece normas para a esterilização levando em consideração as localidades que apontem para a existência de superpopulação desses animais. O projeto segue agora à sanção presidencial. O PL 1376/03 que tramitava na Câmara desde 2003 determina que o controle de natalidade de cães e gatos será realizado “mediante a esterilização permanente, cirúrgica, ou não, desde que ofereça ao animal um grau de eficiência, segurança e bem-estar.” Pelo texto, a esterilização será feita exclusivamente por veterinário e ocorrerá após estudo sobre a quantidade de animais. O projeto também proíbe que os animais sejam eliminados pelos órgãos de controle de zoonoses, canis públicos e estabelecimentos oficiais congêneres e diz que a eliminação só poderá ocorrer quando os animais apresentarem doenças graves ou enfermidades infectocontagiosas incuráveis que coloquem em risco a saúde humana e de outros animais. A eutanásia, contudo, só será autorizado após laudo técnico desses órgãos. Pela proposta, entidades de proteção animal deverão ter acesso irrestrito à documentação que comprove a legalidade da medida. O projeto aprovado pela Câmara prevê ainda que os recursos para implementação do programa serão provenientes da Seguridade Social da União, com contrapartida dos municípios de pelo menos 10% dos custos. O descumprimento das regras da lei sujeitará o infrator às penalidades previstas na Lei de Crimes Ambientais. Se virar lei, o PL 1376/03 entrará em vigor 120 dias após sua publicação.

 

 

 

 

Foto: Divulgação
Na política a uma queixa muito grande quanto a falta de representantes do sexo feminino, em Brumado por exemplo somente uma vereadora era eleita, no pleito de 2016, as mulheres se fortaleceram e duas representantes foram eleitas, sendo elas Lia Teixeira (PDT) e Ilka Abreu (PR). Para decepção da classe feminina, as duas votaram a favor do Projeto de Lei Nº. 006/2017 que propõe a diminuição do tempo de licença maternidade que é de 180 dias para ser de 120 dias. Nas ruas da cidade nesta terça-feira (07), as duas estão sendo bastante hostilizadas, pois como mulheres deveriam saber a importância da mãe ficar mais tempo com o filho recém nascido. No próximo dias 08 comemora-se o dia Internacional das mulheres, mas em Brumado esta data ficará marcada pelo voto de duas mulheres todas as mulheres.
Foto: Se Liga Brumado
A sessão da Câmara de Vereadores de Brumado ocorrida na última segunda-feira (06), foi marcada por grande presença popular, já que representantes sindicais e religiosos, Guardas Municipais, entre outros, se fizeram presentes para acompanhar, os projetos de lei já apelidados de "Pacotão de maldades de Eduardo Vasconcelos" . A sessão foi marcada por tensão desde o seu inicio até o seu fim, tendo que inclusive ser paralisada por algumas vezes. Foram votados o projeto encaminhado pelo prefeito Eduardo Vasconcelos que visa o fim de cargos de provimento efetivo (concursados) como Auxiliar de Serviços Gerais e de Manutenção e Reparos, Motorista e Guarda Municipal, o fim da da representatividade da APLB, a diminuição do tempo de licença maternidade que é de 180 dias para 120 dias e o fim dos feriados de São Sebastião e São João. Como forma de manifesto, os protestantes gritavam palavras de ordem, rezaram o pai nosso e cantaram o hino nacional, e mesmo assim não ouve sensibilidade por parte de maioria dos vereadores que somente não aprovaram a extinção dos feriados de São Sebastião e São João que teve apenas Eduardo Vasconcelos / Dudu (PSDB) votando a favor. Nas outras votações somente quarto vereadores votaram contra os projetos. São eles Glaudson (PDT), Zé Ribeiro (PT), Lek Cabeleireiro (PV), Elias Piau (PV), e Santinho (PTC). Votaram a favor do prefeito, Eduardo Vasconcelos / Dudu (PSDB), Lia Teixeira (PDT), Ilka Abreu (PR), Rey de Domingão (PSB), Palito (PSD), José Carlos de Jonas (PT) e Wanderley (Nem). Os projetos agora vão para segunda votação a ser realizada na próxima sessão que promete mais uma vez "pegar fogo".
Padaria União Santos

A Padaria União Santos disponibiliza um cardápio diferenciado com sabores irresistíveis, para tornar os seus dias ainda mais deliciosos. A Padaria União Santos fica localizada na Av. Otávio Mangabeira, no bairro Nobre, próxima à escola Nossa Senhora de Fátima. Na padaria União Santos você encontra as melhores tortas doces e salgadas, avoadores, bolos, salgados diversos, pães e muito mais, tudo com alto padrão de higiene, qualidade e sabores incomparáveis - feitos com os melhores ingredientes e com muito capricho por quem realmente entende do assunto. Ao requisitar nossos serviços, você contará com a qualidade, experiência, capricho e profissionalismo de uma equipe especializada e que oferecem produtos esmerados na qualidade e com ótimos preços. Façam já os seus pedidos para aniversários, casamentos, festejos e confraternizações. Maiores informações 77 3441-3642.

 

Foto: Divulgação/Sema

Na segunda-feira (6), o Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA), atuando no âmbito do programa Bahia Sem Fogo, coordenado pela Secretaria do Meio Ambiente (Sema), controlou o incêndio na Reserva Natural Serra das Almas, em Rio de Contas, na Chapada Diamantina. A informação foi divulgada durante reunião no Gabinete da Sema, com participação do secretário Geraldo Reis e do comandante-geral do CBMBA, coronel Francisco Telles. "Estamos alinhando algumas medidas de prevenção e combate no âmbito do programa Bahia Sem Fogo, uma importante parceria entre diversas instituições, entre as quais o Corpo de Bombeiros e o Inema têm grande relevância", afirmou Reis. "Ainda hoje, teremos a chegada de uma aeronave Air Tractor, que será mantida de sobreaviso no aeroporto de Lençóis para atuação em situações de grandes incêndios, com capacidade de carregar cerca de 1,8 mil litros de água. Também iremos proceder, por meio do Inema, com o recadastramento das brigadas voluntárias, para que possam receber novos equipamentos de combate a incêndio e EPIs que estão sendo adquiridos pela Sema", acrescentou.  Dezoito homens do Corpo de Bombeiros e de brigadas voluntárias continuam trabalhando nas áreas atingidas em Rio de Contas, por terra e também com equipamento aéreo com Bambi Bucket, bolsa que transporta água para auxiliar no combate. Segundo o subcomandante do 11° Grupamento de Bombeiro Militar, major Jean Vianey, que atua na região, "após monitoramento não foram visualizados pontos de reignições ou propensão de fumaça de pontos quentes. Até o momento, incêndio em situação de controle e constante monitoramento". Durante a reunião, a diretora-geral do Inema, Márcia Telles, informou que ainda não foi possível realizar a inspeção e uma medição georreferenciada da área atingida, a fim de avaliar os impactos ambientais, o que somente poderá ser feito após a completa extinção do fogo e liberação da área pelo CBMBA. A causa do incêndio na Serra das Almas, iniciado na última sexta (3), ainda não foi esclarecida, mas há a possibilidade de uma ignição por causa natural, "visto que o fogo foi iniciado de cima para baixo da montanha, segundo relatos", sinalizou coronel Telles. 

Foto: reprodução

A Embasa informa que, em decorrência de alterações na qualidade da água bruta da barragem de Cristalândia, manancial que abastece o município de Brumado, a operação do sistema de abastecimento local está ocorrendo temporariamente com vazão reduzida. Medidas corretivas estão sendo adotadas para ajustar o processo de tratamento da água. A Embasa esclarece, ainda, que suas estações de tratamento atendem aos critérios determinados pelo Ministério da Saúde e que a água distribuída à população de Brumado encontra-se com os padrões bacteriológicos e físico-químicos de cor e turbidez em conformidade com o estabelecido pela Portaria 2914/2011 do Ministério da Saúde. Ressaltamos que a empresa está adotando todas as providências pertinentes para normalizar o abastecimento no município o mais breve possível.
 

Foto: Se liga Brumado

Com o objetivo de promover a permanência e melhora do desempenho dos estudantes das universidades estaduais baianas, o Governo do Estado lança o edital do Programa Mais Futuro nesta terça-feira (7). O anúncio foi feito pelo governador Rui Costa durante transmissão ao vivo, pelo Facebook (migre.me/wbNXU), do programa 'Digaí, Governador!'.  “O Mais Futuro é um programa de assistência estudantil para garantir a permanência do estudantes nas universidades da Bahia, com o apoio do Governo do Estado”, afirmou Rui. A iniciativa, que integra o Programa Educar Para Transformar, tem como meta beneficiar nove mil estudantes universitários em condições de vulnerabilidade socioeconômica. Eles terão acesso a auxílio financeiro para dar continuidade aos estudos e evitar o abandono do curso superior por falta de condições de concluir a graduação. Segundo o governador, o Mais Futuro é um grande passo para a educação superior pública no estado e terá um investimento de cerca de R$ 50 milhões até o fim de 2018. De acordo com o edital, que estará disponível no Diário Oficial do Estado (DOE), os estudantes universitários terão até 31 de março para fazer as inscrições. O auxílio terá valor de R$ 300 ou R$ 600 mensais. O primeiro valor é destinado a universitários que estudam a até 100 quilômetros da sua cidade de origem. Já o segundo é para aqueles que moram em cidades a mais de 100 quilômetros de distância do campus onde estão matriculados. Estando dentro do perfil do programa, o estudante poderá receber o auxílio desde o primeiro semestre até completar 2/3 (dois terços) do curso.  “Esta iniciativa beneficia aqueles estudantes que mais precisam de políticas públicas para garantir sua permanência na universidade, o acesso ao estágio e a conclusão do ensino superior”, explica o secretário estadual da Educação, Walter Pinheiro.  As quatro universidades públicas do Estado -  Universidade do Estado da Bahia (Uneb), Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) e Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia(Uesb) - serão contempladas pelo programa. Para participar, o estudante deverá manifestar formalmente o interesse por meio da página do programa na internet (maisfuturo.educacao.ba.gov.br). Depois desse passo, eles serão cadastrados pelas unidades de ensino, apresentando a documentação exigida. O pagamento das bolsas será feito diretamente ao próprio estudante, através de cartão, em conta bancária criada exclusivamente com essa finalidade. No terço final da graduação, os beneficiários terão a opção e prioridade para ingressar em vagas de estágio de nível superior ofertadas por órgãos e secretarias do Governo do Estado. Os estudantes que já estão na fase final do curso e atendem os critérios também podem ingressar no programa, já na fase do Estágio. Entre os critérios para participar do Programa Mais Futuro estão: ter registro atualizado no Cadastro Centralizado de Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico); não possuir vínculo empregatício e não ter concluído qualquer outro curso de nível superior. Para fazer a atualização cadastral ou inscrição no CadÚnico, passo obrigatório para participar do programa, o estudante ou familiar pode procurar um Centro de Referência em Assistência Social (Cras) no município onde a família reside e solicitar o cadastramento. No caso do cadastro familiar, é importante ter uma pessoa responsável pela família para responder às perguntas do cadastro. Essa pessoa deve fazer parte da família, morar na mesma casa e ter pelo menos 16 anos. Também é possível fazer o cadastro individual.

Páginas