Ricardinho responde a Leo Vasconcelos e diz que ele banca os custos da UTI se ela for para Livramento

Ricardinho responde a Leo Vasconcelos e diz que ele banca os custos da UTI se ela for para Livramento
Foto: Reprodução
O prefeito de Livramento de Nossa Senhora, Ricardo Ribeiro (REDE), o “Ricardinho” utilizou um programa de uma rádio local, para responder a um pronunciamento do presidente do Legislativo de Brumado, vereador Leonardo Vasconcelos (PDT), que teria afirmado que Livramento estaria querendo “pular fora” do consórcio de saúde, este que vêm sendo considerado de fundamental importância para o funcionamento da UTI no Hospital Professor Magalhães Neto. “O referido vereador está querendo jogar para a plateia, ele não entende de contas, pois não é gestor; o custo tem que caber ao governo do estado como acontece em Vitória da Conquista, na Chapada Diamantina, em Guanambi e em Teixeira de Freitas” e complementou que “outra coisa, em uma reunião com os prefeitos o próprio governador garantiu que se os municípios não forem pagar, o governo do estado irá bancar o custo”. Finalizando o seu discurso o prefeito de Livramento fez uma espécie de desafio “se não querem a UTI, tragam para Livramento que aqui nós bancaremos o custo de R$ 500 mil, pois pagaremos com prazer, pois a nossa população merece”. Ricardinho ainda garantiu não ser contra a UTI em Brumado, o que está sendo questionado é colocar recursos do povo livramentense em outra cidade. Ricardinho ainda disse que se algum de Livramento precisar da UTI de Brumado irá utilizar sim, pois isso é um direito reservado na Constituição Federal.