Foto: reprodução

A Receita Federal abre hoje (7), a partir das 9h, consulta ao lote multiexercício de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) referente aos exercícios de 2008 a 2016. O crédito bancário para 104.963 contribuintes será feito no próximo dia 17, totalizando R$ 216,9 milhões. Desse total, R$ 84,2 milhões são contribuintes que têm prioridade para receber: 19.043 idosos e 1.812 pessoas com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave. Os valores da restituição são corrigidos pela taxa básica de juros, a Selic. Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deve acessar a página da Receita na internet ou ligar para o Receitafone 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistência de dados identificadas pelo processamento. Nessa hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora. A Receita disponibiliza ainda aplicativo para tablets e smartphones, que facilita a consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF. Com o aplicativo, é possível consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições e a situação cadastral de uma inscrição no CPF. A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, poderá fazer um requerimento pela internet, no Formulário Eletrônico - Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF. Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos), para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

O Projeto de Lei da Câmara (PLC) 19/2017, que propõe reunir dados biométricos e civis, como Registro Geral, Carteira Nacional de Habilitação e o título de eleitor em um único documento, a Identificação Nacional, foi aprovado nesta quarta-feira (5) pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado. A proposta ainda precisa passar por votação no plenário da Casa. De acordo com o projeto, a Identificação Nacional dispensará a apresentação dos documentos que lhe deram origem ou nele mencionados e será emitido pela Justiça Eleitoral, ou por delegação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a outros órgãos. O documento será impresso pela Casa da Moeda e usará como base de identificação o Cadastro de Pessoa Física (CPF). Conforme o texto, o documento único será emitido com base na Identificação Civil Nacional, criada pelo projeto com o objetivo de juntar informações sobre o cidadão. A nova base de dados será gerida pelo TSE, que garantirá o acesso à União, aos estados, ao Distrito Federal, aos municípios e ao Poder Legislativo.
Foto: Reprodução
Dezoito deputados baianos são contra a reforma da Previdência proposta pelo presidente Michel Temer (PSDB), segundo pesquisa realizada pelo jornal Estadão. Além disso, sete parlamentares informaram que vão votar a favor da reforma, quatro se mostraram indecisos e outros doze não foram encontrados. Os baianos que desaprovam as mudanças são: Afonso Florence (PT), Alice Portugal (PCdoB), Bacelar (PTN), Tia Eron (PRB), Valmir Assunção (PT), Bebeto (PSB), Caetano (PT), Daniel Almeida (PCdoB), Davidson Magalhães (PCdo B), Félix Mendonça Júnior (PDT), Jorge Solla (PT), José Carlos Araújo (PR), Mário Negromonte Jr (PP), Nelson Pellegrino (PT), Robinson Almeida (PT), Uldurico Junior (PV) e Waldenor Pereira (PT).  Relacionado como “Não encontrado” na pesquisa do Estadão, o deputado José Nunes (PSD) declarou durante entrevista ao Bocão News ser contra a reforma. Dos trinta e nove parlamentares baianos, apenas sete deles concordam com a reforma da Previdência. Além do relator, Arthur Oliveira Maia (PPS), os deputados Benito Gama( PTB), Erivelton Santana (PEN), José Carlos Aleluia (DEM), Lucio Vieira Lima (PMDB), Paulo Azi (DEM) e Roberto Britto (PP) apoiam o projeto do governo Temer. Do total, dez deputados não foram encontrados pelo jornal: Antonio Brito (PSD), Cacá Leão (PP), Irmão Lazaro (PSC), João Carlos Bacelar (PR), João Gualberto (PSDB), José Rocha (PR), Jutahy Junior ( PSDB), Márcio Marinho (PRB), Pastor Luciano Braga (PRB), Sérgio Brito (PSD). Outros quatro parlamentares se declararam como indecisos: Claudio Cajado (DEM), Elmar Nascimento (DEM), Paulo Magalhães (PSD) e Ronaldo Carletto (PP).
Foto: reprodução

Por Marta Cavallini, G1

A Caixa Econômica Federal adiantou em dois dias o início do saque das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) de quem nasceu nos meses de março, abril e maio. Antes previsto para o dia 10, o dinheiro será liberado no próximo sábado, dia 8. Nesse dia, cerca de 2,1 mil agências do país abrirão das 9h às 15h. Para consultar as participantes do mutirão. De acordo com a Caixa, funcionários de outras agências serão colocados nessas mais de 2 mil agências somente para atender os beneficiários do FGTS. Desde o anúncio do saque das contas inativas, mais de 1,8 mil agências foram abertas em dois sábados: dias 18 de fevereiro e 11 de março. Os demais sábados em que agências abrirão das 9h às 15h serão dias 13 de maio, 17 de junho e 15 de julho. Cerca de 2,3 milhões de trabalhadores que têm conta poupança na Caixa Econômica Federal já terão o dinheiro depositado automaticamente pelo banco neste dia 8. Ao todo, 7,7 milhões de pessoas receberão um total de R$ 11,2 bilhões nessa etapa do programa. Além dos saques, os clientes podem ir às agências no sábado para tirar dúvidas, emitir senha do Cartão Cidadão e regularizar seus cadastros. E não é preciso estar dentro do calendário do mês de abril para comparecer à agência. A Caixa informa que se preparou para os atendimentos. "Recomendamos atentar para o calendário de saques para maior comodidade do trabalhador", informou. Na próxima segunda, terça e quarta-feiras (dias 10, 11 e 12 de abril), as agências da Caixa serão abertas às 8h, duas horas mais cedo, na maior parte das cidades, também com o objetivo de ajudar os titulares de contas inativas do FGTS no processo de saques. Vale lembrar que no sábado, só não será possível fazer a Transferência Eletrônica Disponível (TED) para a conta de outro banco. Isso porque a TED permite que o dinheiro fique disponível na conta do destinatário no mesmo dia, mas o outro banco deve estar aberto para que a transação seja feita – o que não irá ocorrer. Apenas a Caixa funcionará no sábado. No entanto, a transferência será possível para outra instituição bancária por meio de Documento de Ordem de Crédito (DOC), porque neste caso o dinheiro não cai na hora. Toda movimentação do sábado será com a data de segunda-feira (10), e o dinheiro deve cair na conta do beneficiário na terça-feira (11). Mas o limite do DOC é de até R$ 4.999,99.

Beá Fest acontece no dia 15 de Abril

 O evento que acontecerá no dia 15 de abril é um dos mais comentados e aguardados pelo público de Malhada de Pedras e região. A 6º edição do Beá Fest acontecerá na Praça da Bandeira e, promete ser recorde de Público, um vez que reúne nesta edição - mega estrutura, apresentações musicais de qualidade e bandas que tocam os hits do momento. O evento será animado pela banda que está fazendo sucesso em todo Brasil, com um show inovador e animado, as meninas do Boteco das Amigas prometem balançar os foliões. Além disso, o evento conta também com a banda Som da Play e paredão na área interna. Aproveitando o sucesso de vendas, a produção resolveu disponibilizar mais ingressos com preço promocional de primeiro lote no valor de R$ 25.00, na loja Rei do Som, somente até sábado (08). O evento é uma realização de Béa Eventos.

Páginas